Sábado, 11 18th

Last updateQua, 25 Jan 2017 7pm

DIGA SEMPRE QUEM VOCÊ É E TENHA SEMPRE O SEU CARTÃO À MÃO

Cartão de visita

Nunca se esqueça de que sua marca é você, que o produto precisa de uma marca e de uma boa característica, por isso seu nome ou seu apelido são sua marca exclusiva, é com essa marca que seu produto “você” irá ficar conhecido, não importa se é um nome pomposo ou não, o que é relevante nesse caso é que as pessoas precisam conhecer você, saber quem é você, sabe aquele momento em que você tem uma conversa pela vez primeira com uma pessoa? Então, nunca esqueça de dizer o seu nome, ou apelido como você for mais conhecido.

 

Não importa qual seja a sua área de atuação, é preciso e extremamente necessário que tenha sempre seu cartão de apresentação para ser entregue ao seu interlocutor. Pode ser você apenas um estudante, ou que ainda não esteja inserido no mercado de trabalho, nunca deixe de ter seu cartão de visita em seu bolso. Tendo em vista que a qualquer momento, (e sempre ocorre em momentos inesperados) alguém solicitar um cartão para contatos posteriores, e daí vai usar as mais antigas e esfarrapadas desculpas? (Desculpa, mas acabaram à pouco, opa foi lapso, mas os deixei na gaveta da escrivaninha no escritório, ou ainda, ficaram sobre a mesa quando saí de casa apressado), busque evitar um constrangimento de procurar um naco de papel, para então anotar informações a seu respeito para um potencial cliente, ou alguém que vá expor você como produto.

Como já vimos é preciso ter um cartão sempre à mão, mas ainda resta algumas regrinhas a ser adotadas no momento da entrega do mesmo ao seu interlocutor, em hipótese dobre a pontinha, isso demonstra desconfiança com o seu receptor, mas há uma exceção, quando você estiver enviando um cartão a um terceiro é recomendável essa pequena dobra.

Seja um profissional de fácil localização, produza seu cartão com vários meios de contatos, dentre eles não esqueça do e-mail, do número do celular e deixe sempre um endereço físico.

Quanto ao e-mail, é importante que você busque ter um que não seja gratuito, pois todos já conhecem os e-mails grátis, por vários motivos não é aconselhável você oferecer um desses tantos existentes no seu cartão de apresentação, afinal de contas, “você não é todo mundo”. Você é único.